Pular para o conteúdo principal

Postagens

A cidade murada

A Cidade Murade Autora: Ryan Graudin Editora: Seguinte

Comprei o livro por causa de resenhas de canais de Youtubers que eu sigo, esperando uma história fenomenal que me faria ler o livro em horas e assim acabar com a minha letargia literal.
Li o livro em 2 dias, ok, foi rápido, mas confesso que li rápido assim pois estava esperando o momento que ele seria fenomenal....cheguei na última página do livro e....não me agradou.
Quer dizer, teve gente que colocou como favoritos durante muito tempo e fez muito alarde sobre a história, ainda mais por ser baseada numa cidade murada que realemente existiu em Hong Kong, mas sinceramente, não me surpreendeu em nada.
Na realidade me lembrou muito um filme de ação que eu assisti chamado de B13, de uma cidade murada sem leis, a lei era feita por quadrilhas, a polícia não mandava em nada lá dentro, e aqueles que foram colocados lá dentro eram a escória, ou aqueles que os "cidadãos de bem" não queriam ter contato, ou seja, uma favela entre q…
Postagens recentes

Sr. Daniels, quero um pra mim, please

Agora consigo entender o porque de muitas resenhas sobre este livro ter a seguinte frase:"quero um Sr. Daniels para mim".
Quando comecei a ler esse livro, achei que seria mais um livro de romance proibido entre personagens com diferença de idade e posições na sociedade. E minha surpresa foi que a diferença de idade não era tanta, apenas de 3 anos, o papel professor e aluna não pareceu um limite tão absurdo, o que realmente se mostrou como obstáculos e tem papel principal neste livro são os sentimentos dos personagens, não só dos principais como dos outros ao redor deles.
Ashlyn e Daniel são dois personagens que apesar da idade já vivenciaram muitas coisas, como enterrar sua irmã gêmea, lidar com uma mãe relapsa, a morte dos pais, colocar o próprio irmão na cadeia. As perdas que cada um sofreu e a tristeza que eles carregam na alma, atraem um ao outro, como almas que se reconhecem por serem tão semelhantes e querem se ajudar.
Ashlyn e Daniel são exatamente isso, duas almas q…

Voltei

Volteigalera!
Como havia falado em alguns posts atrás, eu fiz um intercâmbio pro Canadá e fiquei lá por um mês.
 (Foto de arquivo pessoal)
Voltei recentemente, e ainda estou me colocando em dia com as minhas leituras.
Mas já deu pra ler algumas coisinhas, e colocar na minha Wish List alguns lançamentos deste ano:
Sendo o primeiro deles a continuação da minha série favorita, Mortal, da J.D. Robb que é o pseudônimo da Nora Roberts. Nessa continuação, Estranheza Mortal, Dallas está as voltas com um caso onde o autor do crime está praticamente resolvido, as únicas coisas que precisam ser descobertas são as pistas ou indícios para incriminá-lo. Não foi um dos meus livros favoritos da série, devo admitir. Mas foi uma leitura rápida.


O segundo da minha Wish List é  o box continuação de Shadow Falls, que conta a história de Della, amiga vampira, que aparece em Acampamento Shadow Falls onde conhecemos Kylie, uma garota que se descobre na verdade um ser sobrenatural com poderes, e que vai parar…

Marca da Escuridão

Gente imagina uma pessoa descontrolada que comprou 9 livros na Black Friday, e engatou uma leitura atrás da aoutra, depois de muitos meses sem ler nenhum livro físico. Então...fui eu!
Minha leitura não começou com essa série, mas estou tão engajada nessa leitura, que resolvi escrever minhas opiniões sonre essa série da Sylvia Day, uma escritora que me conquistou na série Crossfire.
A história está focada em Evangeline, Eva, que aos 18 anos conheceu e se apaixonou por Alec Caim, e com quem perdeu sua virgindade, para acordar no dia seguinte e nunca mais vê-lo. 
10 anos depois, Eva está procurando ganhar um projeto de designer interior, e enquanto estava esperando por sua entrevista com o dono da empresa, acaba sendo atraída por um homem misterioso com uma aura perigosa. E não...não é Alec.
Eva acaba tendo uma "rapidinha" com este homem misterioso, e depois dessa experiência, acaba por desmaiar e passar por situações e mudanças em sua vida.
Ao acordar no dia seguinte dessa &q…

A Mediadora- Lembrança

E como não amar a volta de uma protagonista badass como a Suzannah?!
Uma série super teen, que eu com certeza indico!
Um livro que envolve fantasmas, mas não do jeito assustador que geralmente estamos acostumados. Eles não dão sustos na protagonista e ela nem é fragilizada ou aterrorizada, NÃO! Ela tem a habilidade de ver e TOCAR os espíritos!
Meg Cabot finaliza a série A Mediadora, onde conseguimos saber como estão Suzannah e Jesse anos depois, quando os dois já estão adultos, com Jesse ainda se adaptando aos tempos atuais e dos vivos, e Suzannah se adaptando ao seu papel de mediadora e conselheira na escola onde estudou.
Neste livro, há mistério e uma cutucada relogiosa que eu adorei, senti que tanto os personagens quanto o enredo cresceram, e estão mais maduros...quer dizer, nem tanto. Suzannah ainda ajuda os PMNO(Pessoas Mortas Não Obedientes) a enxergarem a luz e irem para onde deveriam ter ido ao morrerem, as vezes num papo amigável, mas na maioria das vezes envolve um soco ou u…

Sombra e Ossos

Depois de muito tempo, voltei aos meus amados livros...
Fiquei um pouco acostumada a ficar lendo ebooks, mas nada substitui a sensação de pegar um livro nas mãos e lê-lo, virar suas páginas, e quando terminá-lo fechar, com aquela sensação de missão cumprida.
Em umas das promoções que vivem acontecendo na Submarino, comprei a trilogia Grisha da autora Leigh Bardugo.
Essa trilogia foi uma indicação do canal Geek Freak, que eu sigo, pois muitas de suas outras indicações sempre me satisfizeram.
Neste primeiro livro, entramos num mundo onde magia e poder são assuntos comuns, senti uma semelhança com o desenho Avatar. Onde existem nações que controlam elementos, como água, fogo, ar, terra...e assim por diante.
A história foca na personagem Alina Starkov, uma personagem que me irritou um poco no começo, ela é órfã e cresceu sempre muito perto de seu amigo, e também órfão, Maly. Por quem ela tem uma paixão secreta, pois tem medo da rejeição.
Os dois possuem cargos dentro do exército, sendo A…

Trilogia Função CEO

Eis que ressurjo das cinzas e consigo ler dois livros enormes em menos de 4 dias!
Para quem não está lembrado ou não acompanha meus posts, o primeiro livro e o terceiro livro dessa trilogia eu recebi pelo correio. De quem? Não me pergunte, na época eu deduzi que foi pelo Skoob. E como eu havia recebido dois volumes dessa trilogia eu achei em minha inocência que receberia o segundo em algum momento. Mas...isso não aconteceu e eu tive de comprar para conseguir terminar essa trilogia.
Para quem não conhece ou sabe, a autora é brasileira, Tatiana Amaral, pela editora Pandorga.
A autora traz um enredo no primeiro livro, A descoberta do prazer,  que nos faz crer que será outra trilogia cheio de affairs em escritório, algumas e alguns ex-amantes ciumentos, um triângulo amoroso mal resolvido e essas coisas...mas o final do primeiro livro te deixa querendo pegar o segundo volume, A descoberta do amor, e simplesmente terminá-lo de uma vez.
O que era um enredo quase previsível no primeiro livro…